Iniciar sessão Abrir uma conta

Negociar Negociação Virtual
  • A
  • B
  • C
  • D
  • E
  • F
  • G
  • H
  • I
  • J
  • K
  • L
  • M
  • N
  • O
  • P
  • Q
  • R
  • S
  • T
  • U
  • V
  • X
  • Y
  • Z
A
ALAVANCAGEM

Os investidores usam a alavancagem para multiplicar o seu poder de compra no mercado. Refere-se à capacidade de um trader de usar uma margem para fazer negociações maiores. A alavancagem pode levar a lucros maiores, mas pode também agravar as perdas.

AJUSTE

Uma ação desempenhada por um banco central quando é necessário corrigir desequilíbrios de pagamento ou emissões com a taxa da moeda de uma nação.

ANÁLISE FUNDAMENTAL

O uso de dados económicos e políticos para calcular os futuros movimentos dos mercados.

ANÁLISE TÉCNICA

A análise técnica tenta prever os futuros movimentos do preço.

ANUIDADE QUALIFICADA

As contribuições para uma anuidade qualificada são feitas com dólares antes de impostos.

ARBITRAGEM

É uma estratégia na qual um ativo é comprado e vendido simultaneamente em diferentes mercados para tirar proveito do desequilíbrio do preço.

ASK

O preço pelo qual um cliente pode comprar um par de moedas. Também chamado de ‘oferta,’ ‘cotação de venda’, ou ‘taxa de venda’.

ATIVO

Um ativo é um recurso com valor económico que um indivíduo, empresa ou país possui ou controla com a expectativa de que proporcionará lucros ou benefícios no futuro. No Forex, os ativos podem estar relacionados com a retenção de moedas.

AUSSIE

Dólar australiano

B
BALANÇA DE PAGAMENTOS

Todos os pagamentos efetuados entre os residentes de um país e o resto do mundo durante um período, como um trimestre ou um ano, são registados na balança de pagamentos

BANDA

É o intervalo em que uma moeda é autorizada a mover-se face a outra moeda com base em condições pré-existentes impostas pelo governo local. Também conhecida como Banda de Negociação.

BANDAS DE BOLLINGER

Uma banda de bollinger é uma ferramenta de análise técnica que mostra os preços e a volatilidade de um instrumento financeiro ao longo do tempo.

BANCO CENTRAL

É a principal instituição económica de um país que fornece fundos ao governo e ao sistema bancário comercial. Também fixa taxas de juro e outras políticas monetárias, tal como emite dinheiro.

BID

O preço mais elevado que um comprador pagará para comprar um determinado número de quotas de uma ação em qualquer momento.

C
CAPITAL DE RISCO

O montante de capital que nunca deve pôr em risco a estabilidade financeira geral de um trader.

CÂMBIO (FOREIGN EXCHANGE)

O mercado de forex é o maior mercado e o com mais liquidez no mundo, com triliões de dólares a mudarem de mãos todos os dias. A compra e venda de uma moeda face à outra. A negociação online de forex envolve transações fora de corretoras.

CESTA

Uma cesta é uma coleção de vários títulos - ações, moedas, etc. com um tema semelhante ou partilham determinados critérios.

CHAMADA DE MARGEM

Uma chamada de margem é um pedido da sua corretora para aumentar o montante na sua conta. Isto acontece quando o trader não tem dinheiro de garantia suficiente para cobrir potenciais perdas.

COBERTURA (HEDGING)

Uma estratégia avançada de gestão de riscos onde um trader tenta cobrir uma posição ao abrir outra. Normalmente criada para proteção contra perdas.

CONTRATO

É aqui que é posto em prática um acordo para comprar ou vender uma determinada quantidade de uma moeda ou opção específica durante um período definido, em algum momento no futuro.

CONVERSÃO

Este é o processo que vê um ativo ou passivo cotado numa moeda ser trocado por um ativo ou passivo cotado numa moeda diferente.

D
DAY TRADER

O objetivo é lucrar com movimentos de preços de muito curto prazo. Um day trader é alguém que compra e vende um ativo no mesmo dia. Este tipo de trading é feito mais comummente no mercado do forex.

DAY TRADING (TRADING DIÁRIO)

Esta é a atividade que é desempenhada pelos traders que compram e vendem posições no mesmo dia. O day trading pode ser uma opção muito lucrativa, mas também de alto risco e incerteza.

DATA DE LIQUIDAÇÃO

O dia em que a negociação de uma ação, obrigação ou opção deve ser liquidada. No FX normalmente refere-se a isso como a data-valor.

DATA DE NEGOCIAÇÃO

A data (dia, mês, ano) na qual ocorre uma negociação.

DATA DE TRANSAÇÃO

O mesmo do que a data de negociação.

DEPÓSITO DE SEGURANÇA

O montante do depósito que precisa de depositar para abrir uma posição.

DEPRECIAÇÃO

Quando o valor de uma moeda ou outro ativo diminui.

DESVIO

Isto refere-se à diferença que pode, por vezes, ser encontrada em valores de pip entre o momento em que uma ordem de mercado é colocada e o momento em que é preenchida.

DIA DE TRABALHO

Dia útil. Se um banco de um país estiver fechado, as negociações de Forex não poderão ser feitas na moeda do banco fechado.

DOJI

Um padrão muito comum utilizado na análise técnica. A sua formação de velas é muito pequena, uma vez que acompanha os preços de abertura e de fecho praticamente iguais. Em japonês, "doji" significa "a mesma coisa", referindo-se à raridade de ter o preço de abertura e de fecho iguais.

E
EUR

Representa o Euro, a moeda usada por 19 dos 27 países da União Europeia.

F
FOMC

Um desdobramento da Reserva Federal que dita a política monetária nos Estados Unidos.

FOREX

O termo utilizado mais frequentemente para se referir ao mercado de negociação de câmbio.

FUNDAMENTOS

As taxas de juro, balança comercial, taxas de crescimento e fundamentos são normalmente os fatores macroeconómicos que podem determinar os movimentos de preços.

FX

Uma abreviatura usada frequentemente para se referir ao mercado de negociação de câmbio.

G
GAMA

A diferença entre o valor mais alto e o valor mais baixo de um ativo ao longo de um determinado período.

GESTÃO DE RISCO

Identificar, analisar, aceitar ou atenuar a incerteza em decisões de investimento.

GRÁFICO DE LINHAS

Os gráficos mais simples, utilizados para acompanhar os movimentos do preço ao longo de algum tempo. A maior parte das vezes é usado juntamente com outros gráficos para desempenhar uma análise intermercado.

GRÁFICO DE VELAS

É um estilo de gráfico financeiro usado para descrever movimentos de preços. É usado por traders para determinar possíveis movimentos de preço com base em padrões anteriores.

H
HEDGE FUND (FUNDO DE COBERTURA)

Hedge funds, ou fundos de cobertura, são caracterizados por serem fundos de proteção ou cobertura de riscos. São fundos de investimento muito especulativos e têm como objetivo rentabilizar ao máximo os capitais que lhes são confiados.

I
INDICADORES PRINCIPAIS

A estatística sobre a atividade económica que muitas vezes precede as mudanças nas taxas de crescimento e outros preços significativos que afetam as tendências. Estes levam a alcançar os objetivos de negócio gerais.

INFLAÇÃO

É devido à inflação que os preços sobem em há uma queda no valor de compra do dinheiro. Por vezes, a inflação é classificada em três tipos: inflação pela procura, inflação de custos e inflação embutida.

INDEXADO

O preço indexado é o preço ao qual uma mercadoria foi fixada por acordo. É aqui que os movimentos de duas moedas são combinados.

J
CURVA J

A teoria económica que afirma que o défice comercial de um país irá agravar-se inicialmente após a depreciação da sua moeda.

K
KIWI

Dólar neozelandês

L
LIMITE DE ENTRADA

Uma ordem de compra de uma moeda ou outro ativo a um preço futuro que o trader define. Se o mercado se mover na direção oposta é possível que a ordem não seja realizada.

LINHA DE TENDÊNCIA

Linhas curvas ou retas, desenhadas para registar tendências de preço. Picos e depressões crescentes seguirão as tendências de subida. Picos e depressões decrescentes assinalarão uma tendência de baixa.

LIQUIDEZ

A liquidez do mercado refere-se à capacidade do mercado de permitir que os ativos sejam comprados e vendidos fácil e rapidamente. Se um ativo tiver uma liquidez elevada significa que várias pessoas estão a comprá-lo e a vendê-lo.

LOONEY

Dólar canadiano, CAD

LOTE

O número padronizado de unidades que são negociadas numa transação de FX. Um lote padrão equivale a 100 000 unidades da moeda base. Um conjunto de 10 000 unidades chama-se um Mini. 1 000 unidades é um Micro lote.

M
MARGEM

Negociação de margem refere-se à prática de usar fundos emprestados de uma corretora para negociar um ativo financeiro, o que constitui a garantia do empréstimo da corretora. A margem permite-lhe negociar com alavancagem e obter mais lucros sobre os movimentos de preços, mas também pode acelerar as suas perdas. Se fizer uma negociação com uma margem de 50:1, por exemplo, apenas precisará de arriscar $10 para abrir uma negociação de $500.

MARGEM INICIAL

O depósito inicial de garantia necessário para entrar numa posição como uma garantia sobre o desempenho futuro.

MERCADO BEAR

Um mercado bear é quando um mercado experiencia quedas de preços prolongadas. Um mercado bear pode durar semanas ou meses. 

MERCADO BULL

Um mercado bull é quando os preços estão numa tendência ascendente. Um mercado bull pode durar semanas ou meses. 

MERCADO SOFT

Um cenário em que existem mais vendedores do que compradores. Isto normalmente resulta em quedas rápidas dos preços. O termo "mercado soft" aplica-se mais frequentemente à indústria de seguros.

MERCADO THIN

Um período caraterizado por um baixo número de compradores e vendedores.

MOEDA BASE

A moeda base é a primeira moeda que aparece numa cotação de par de moedas. No par USD/JPY, por exemplo, o USD é a moeda base. A moeda base aparece sempre em primeiro no par.

MOEDA CONVERSÍVEL

Uma moeda que pode ser livremente convertida noutra moeda e para qualquer fim, sem necessidade de autorização do banco central relevante.

MOEDA FORTE

Uma caraterística é que é pouco provável que o se valor deprecie subitamente. Qualquer moeda que é facilmente negociada e convertida para outras moedas.

MOEDA DE COTAÇÃO

A segunda moeda que é cotada num par. No par EUR/USD, a moeda de cotação é o USD. A moeda de cotação também é conhecida como moeda secundária ou moeda cotada.

N
NASDAQ

Um marketplace online global onde todos os gigantes da tecnologia estão listados.

NUMERÁRIO (CASH)

É um tipo de transação de troca que é liquidada no mesmo dia em que é feita. É um termo que normalmente só é usado nos mercados americanos.

O
OFERTA

A proposta feita por um comprador ou vendedor para comprar ou vender um ativo. É também o melhor preço pelo qual é possível comprar.

ORDEM DE MERCADO

Uma ordem de mercado é uma ordem para comprar ou vender uma ação ao melhor preço atualmente disponível no mercado.

OVER THE COUNTER (OTC)

Qualquer tipo de transação que não seja efetuada numa bolsa de valores física.

OVERNIGHT

Uma negociação que tem lugar fora do horário de negociação e é levada de um dia para o outro.

P
PADRÃO-OURO

Um sistema monetário em que a unidade de conta económica padrão se baseia numa quantidade fixa de ouro. Este sistema foi deixado após a Grande Depressão da década de 1930.

PAR DE MOEDAS

As duas moedas que constituem uma taxa de câmbio. Considera-se que o par de moedas EUR/USD seja o par de moedas com mais liquidez no mundo.

PARAR ENTRADA (STOP-ENTRY)

Esta funcionalidade serve para proteger os traders de perdas consideráveis e proteger os lucros. Esta é uma instrução para comprar ou vender quando uma ação ou moeda descer para determinado preço. Uma ordem de compra definiria um preço mais elevado do que o valor atual enquanto uma ordem de venda definiria um preço mais baixo.

PIP

Pip é a abreviatura de 'point in percentage' (ponto percentual). No forex, os pips do mercado são medidos em decimais (0,0001). Se o preço do par AUDUSD mudar de 0,64800 para 0,64810, dizemos que a variação de 0,00010 USD é 1 pip.

POSIÇÃO

Uma posição é estabelecida quando um investidor executa uma negociação que não compensa uma posição existente. A posição é o estado de uma negociação comprometida.

POSIÇÃO ABERTA

Uma negociação que foi estabelecida, uma negociação ao vivo. Pode ser uma negociação de compra ou venda, longa ou curta.

POSIÇÃO CURTA

Numa posição curta, o trader espera que o preço diminua no futuro. Uma posição curta é o contrário de uma posição longa.

PORTEFÓLIO ZERO-BETA

Os portefólios zero-beta não têm qualquer exposição ao mercado, o que torna improvável captarem o interesse dos investidores em mercados bull.

POSIÇÃO LONGA

A expectativa do trader de que o preço aumentará no futuro. Posições longas num portefólio de ações referem-se a ações que foram compradas e são detidas.

PRODUTO INTERNO BRUTO

O PIB é uma medida monetária de todos os bens e serviços que um país produz durante um período específico.

PRODUTO NACIONAL BRUTO

Semelhante ao produto nacional bruto, mas este valor inclui também todo o rendimento que provém de fora das fronteiras do país.

Q
R
RALLY

Um rally normalmente envolve movimentos de subida rápidos ou substanciais ao longo de um período relativamente curto e depois de um declínio.

RENDIMENTO

Os ganhos gerados por um investimento ao longo de um período.

RESERVA FEDERAL (FED)

Banco central dos Estados Unidos.

RESISTÊNCIA

Um ponto em que os analistas esperam que a venda tenha lugar. A resistência tem lugar quando se espera que uma tendência ascendente pare temporariamente devido a uma concentração de fornecimento.

ROLLOVER

Quando a liquidação de uma negociação é transportada para outra data de valor futura com base no diferencial de juros das duas moedas. A troca é também chamada de Tomorrow Next, Tom-Next ou T/N.

S
SEM COTAÇÃO (OFF-QUOTE)

Um ativo pode não ter cotação caso falte liquidez no mercado que gostaria de negociar. Por vezes também pode ocorrer em alturas de volatilidade excecionalmente elevada no mercado. Isso significa que há algum tempo que não houve nenhum preço novo no instrumento selecionado e que estes últimos preços já não podem ser tratados como preços de mercado.

SINAL DE COMPRA

Um sinal que será determinado pela análise técnica que um trader usa. Quando certas condições forem cumpridas, este sinal indicará que é uma boa altura para comprar. É possível observar um sinal de compra ao analisar os padrões dos gráficos ou estes podem ser calculados automaticamente por plataformas de trading.

SPIKE

Flutuações repentinas ou grandes quedas no preço.

SPREAD

A diferença entre o preço do bid e o preço do ask.

SPREAD BID/ASK

O Spread Bid-Ask é a diferença em pips entre o preço do ask (oferta/venda) e o preço do bid (aquisição/compra).

STERLING

Libra Esterlina da Grã-Bretanha, também conhecida como "cable" no forex.

SUPORTE

O suporte ocorre quando se espera que uma tendência descendente para devido a uma concentração da procura. É o oposto da resistência.

SWAP

A diferença entre as taxas de juro dos bancos centrais para cada moeda de um par, bem como a comissão da corretora, quando as posições ficam abertas durante a noite. O swap pode ser positivo ou negativo, dependendo das mudanças da taxa de juro.

SWISSY

Termo usado para o franco suíço no forex.

SWAP CAMBIAL

É a compra e venda em simultâneo de quantias idênticas de uma moeda para outra, mas com duas datas de valor diferentes. Normalmente realiza-se para assegurar empréstimos numa moeda estrangeira a taxas de juro mais favoráveis.

T
TAXA

A taxa é o preço de uma moeda quando comparada face a outra.

TAXA BANCÁRIA

A taxa de juro a que o banco central faz empréstimos aos bancos nacionais. As taxas bancárias influenciam as taxas de empréstimo de bancos comerciais.

TAXA CENTRAL

É uma taxa de câmbio para uma moeda em relação à unidade monetária europeia. Cada moeda pode mover-se num pequeno intervalo face à taxa central.

TAXA CRUZADA

É uma taxa de câmbio que é determinada através das taxas de duas moedas a serem calculadas contra uma terceira, normalmente o dólar americano.

TAXA DE CHAMADA

A taxa de juro dos pedidos de empréstimos. São empréstimos que são devidos para pagamento a pedido.

TAXA DE FUNDO FEDERAL

A taxa de fundo federal é a taxa de juros que as instituições depositárias — bancos, poupanças e empréstimos, e cooperativas de crédito—cobram umas às outras para empréstimos noturnos. Também indicas a opinião da Reserva Federal sobre o estado atual da oferta de dinheiro.

TENDÊNCIA

As tendências podem-se referir a movimentos ascendentes ou descendentes no preço. Uma tendência menor seria uma que ocorra durante um mês. Uma intermédia pode durar entre 1 e 6 mês.

TICK

Um tick é a quantidade mínima incremental à qual um ativo muda de preço. Pode ser para cima ou para baixo.

TRAILING STOP

Este é um preço de stop-loss estabelecido acima ou abaixo do preço atual que pode ser ajustado à medida que o preço se move.

TRANSAÇÃO

Troca monetária por um bem ou serviço.

TROCA SPOT

Uma troca spot (transação spot) refere-se à compra ou venda de uma divisa, instrumento financeiro ou commodity para entrega instantânea o mais rápido possível.

U
UPTICK

Uma transação para um instrumento que é realizada a um preço mais elevado do que a transação anterior.

V
VALOR LÍQUIDO

O valor total dos ativos que uma pessoa ou empresa possui, menos o passivo.

VENCIMENTO

Também conhecido como "último dia de negociação", os traders devem fechar as suas opções antes deste dia para realizarem os seus lucros ou perdas.

VOLATILIDADE

Tendência de mudanças rápidas e imprevisíveis. A volatilidade é uma medida do nível de movimentos dentro de um mercado ou ativo.

X
X-EFICIÊNCIA

O nível de eficiência mantido por empresas em condições de concorrência imperfeita, como no caso de um monopólio.

XENOMOEDA

Uma moeda depositada ou trocada num mercado fora do seu país de origem.

Y
YARD

Refere-se a um bilião.

Z
ZERO COST DOLLAR

Uma estratégia "zero cost dollar" é usada para proteção contra a volatilidade dos preços de um ativo subjacente.

Glossário

A
ALAVANCAGEM

Os investidores usam a alavancagem para multiplicar o seu poder de compra no mercado. Refere-se à capacidade de um trader de usar uma margem para fazer negociações maiores. A alavancagem pode levar a lucros maiores, mas pode também agravar as perdas.

AJUSTE

Uma ação desempenhada por um banco central quando é necessário corrigir desequilíbrios de pagamento ou emissões com a taxa da moeda de uma nação.

ANÁLISE FUNDAMENTAL

O uso de dados económicos e políticos para calcular os futuros movimentos dos mercados.

ANÁLISE TÉCNICA

A análise técnica tenta prever os futuros movimentos do preço.

ANUIDADE QUALIFICADA

As contribuições para uma anuidade qualificada são feitas com dólares antes de impostos.

ARBITRAGEM

É uma estratégia na qual um ativo é comprado e vendido simultaneamente em diferentes mercados para tirar proveito do desequilíbrio do preço.

ASK

O preço pelo qual um cliente pode comprar um par de moedas. Também chamado de ‘oferta,’ ‘cotação de venda’, ou ‘taxa de venda’.

ATIVO

Um ativo é um recurso com valor económico que um indivíduo, empresa ou país possui ou controla com a expectativa de que proporcionará lucros ou benefícios no futuro. No Forex, os ativos podem estar relacionados com a retenção de moedas.

AUSSIE

Dólar australiano

B
BALANÇA DE PAGAMENTOS

Todos os pagamentos efetuados entre os residentes de um país e o resto do mundo durante um período, como um trimestre ou um ano, são registados na balança de pagamentos

BANDA

É o intervalo em que uma moeda é autorizada a mover-se face a outra moeda com base em condições pré-existentes impostas pelo governo local. Também conhecida como Banda de Negociação.

BANDAS DE BOLLINGER

Uma banda de bollinger é uma ferramenta de análise técnica que mostra os preços e a volatilidade de um instrumento financeiro ao longo do tempo.

BANCO CENTRAL

É a principal instituição económica de um país que fornece fundos ao governo e ao sistema bancário comercial. Também fixa taxas de juro e outras políticas monetárias, tal como emite dinheiro.

BID

O preço mais elevado que um comprador pagará para comprar um determinado número de quotas de uma ação em qualquer momento.

C
CAPITAL DE RISCO

O montante de capital que nunca deve pôr em risco a estabilidade financeira geral de um trader.

CÂMBIO (FOREIGN EXCHANGE)

O mercado de forex é o maior mercado e o com mais liquidez no mundo, com triliões de dólares a mudarem de mãos todos os dias. A compra e venda de uma moeda face à outra. A negociação online de forex envolve transações fora de corretoras.

CESTA

Uma cesta é uma coleção de vários títulos - ações, moedas, etc. com um tema semelhante ou partilham determinados critérios.

CHAMADA DE MARGEM

Uma chamada de margem é um pedido da sua corretora para aumentar o montante na sua conta. Isto acontece quando o trader não tem dinheiro de garantia suficiente para cobrir potenciais perdas.

COBERTURA (HEDGING)

Uma estratégia avançada de gestão de riscos onde um trader tenta cobrir uma posição ao abrir outra. Normalmente criada para proteção contra perdas.

CONTRATO

É aqui que é posto em prática um acordo para comprar ou vender uma determinada quantidade de uma moeda ou opção específica durante um período definido, em algum momento no futuro.

CONVERSÃO

Este é o processo que vê um ativo ou passivo cotado numa moeda ser trocado por um ativo ou passivo cotado numa moeda diferente.

D
DAY TRADER

O objetivo é lucrar com movimentos de preços de muito curto prazo. Um day trader é alguém que compra e vende um ativo no mesmo dia. Este tipo de trading é feito mais comummente no mercado do forex.

DAY TRADING (TRADING DIÁRIO)

Esta é a atividade que é desempenhada pelos traders que compram e vendem posições no mesmo dia. O day trading pode ser uma opção muito lucrativa, mas também de alto risco e incerteza.

DATA DE LIQUIDAÇÃO

O dia em que a negociação de uma ação, obrigação ou opção deve ser liquidada. No FX normalmente refere-se a isso como a data-valor.

DATA DE NEGOCIAÇÃO

A data (dia, mês, ano) na qual ocorre uma negociação.

DATA DE TRANSAÇÃO

O mesmo do que a data de negociação.

DEPÓSITO DE SEGURANÇA

O montante do depósito que precisa de depositar para abrir uma posição.

DEPRECIAÇÃO

Quando o valor de uma moeda ou outro ativo diminui.

DESVIO

Isto refere-se à diferença que pode, por vezes, ser encontrada em valores de pip entre o momento em que uma ordem de mercado é colocada e o momento em que é preenchida.

DIA DE TRABALHO

Dia útil. Se um banco de um país estiver fechado, as negociações de Forex não poderão ser feitas na moeda do banco fechado.

DOJI

Um padrão muito comum utilizado na análise técnica. A sua formação de velas é muito pequena, uma vez que acompanha os preços de abertura e de fecho praticamente iguais. Em japonês, "doji" significa "a mesma coisa", referindo-se à raridade de ter o preço de abertura e de fecho iguais.

E
EUR

Representa o Euro, a moeda usada por 19 dos 27 países da União Europeia.

F
FOMC

Um desdobramento da Reserva Federal que dita a política monetária nos Estados Unidos.

FOREX

O termo utilizado mais frequentemente para se referir ao mercado de negociação de câmbio.

FUNDAMENTOS

As taxas de juro, balança comercial, taxas de crescimento e fundamentos são normalmente os fatores macroeconómicos que podem determinar os movimentos de preços.

FX

Uma abreviatura usada frequentemente para se referir ao mercado de negociação de câmbio.

G
GAMA

A diferença entre o valor mais alto e o valor mais baixo de um ativo ao longo de um determinado período.

GESTÃO DE RISCO

Identificar, analisar, aceitar ou atenuar a incerteza em decisões de investimento.

GRÁFICO DE LINHAS

Os gráficos mais simples, utilizados para acompanhar os movimentos do preço ao longo de algum tempo. A maior parte das vezes é usado juntamente com outros gráficos para desempenhar uma análise intermercado.

GRÁFICO DE VELAS

É um estilo de gráfico financeiro usado para descrever movimentos de preços. É usado por traders para determinar possíveis movimentos de preço com base em padrões anteriores.

H
HEDGE FUND (FUNDO DE COBERTURA)

Hedge funds, ou fundos de cobertura, são caracterizados por serem fundos de proteção ou cobertura de riscos. São fundos de investimento muito especulativos e têm como objetivo rentabilizar ao máximo os capitais que lhes são confiados.

I
INDICADORES PRINCIPAIS

A estatística sobre a atividade económica que muitas vezes precede as mudanças nas taxas de crescimento e outros preços significativos que afetam as tendências. Estes levam a alcançar os objetivos de negócio gerais.

INFLAÇÃO

É devido à inflação que os preços sobem em há uma queda no valor de compra do dinheiro. Por vezes, a inflação é classificada em três tipos: inflação pela procura, inflação de custos e inflação embutida.

INDEXADO

O preço indexado é o preço ao qual uma mercadoria foi fixada por acordo. É aqui que os movimentos de duas moedas são combinados.

J
CURVA J

A teoria económica que afirma que o défice comercial de um país irá agravar-se inicialmente após a depreciação da sua moeda.

K
KIWI

Dólar neozelandês

L
LIMITE DE ENTRADA

Uma ordem de compra de uma moeda ou outro ativo a um preço futuro que o trader define. Se o mercado se mover na direção oposta é possível que a ordem não seja realizada.

LINHA DE TENDÊNCIA

Linhas curvas ou retas, desenhadas para registar tendências de preço. Picos e depressões crescentes seguirão as tendências de subida. Picos e depressões decrescentes assinalarão uma tendência de baixa.

LIQUIDEZ

A liquidez do mercado refere-se à capacidade do mercado de permitir que os ativos sejam comprados e vendidos fácil e rapidamente. Se um ativo tiver uma liquidez elevada significa que várias pessoas estão a comprá-lo e a vendê-lo.

LOONEY

Dólar canadiano, CAD

LOTE

O número padronizado de unidades que são negociadas numa transação de FX. Um lote padrão equivale a 100 000 unidades da moeda base. Um conjunto de 10 000 unidades chama-se um Mini. 1 000 unidades é um Micro lote.

M
MARGEM

Negociação de margem refere-se à prática de usar fundos emprestados de uma corretora para negociar um ativo financeiro, o que constitui a garantia do empréstimo da corretora. A margem permite-lhe negociar com alavancagem e obter mais lucros sobre os movimentos de preços, mas também pode acelerar as suas perdas. Se fizer uma negociação com uma margem de 50:1, por exemplo, apenas precisará de arriscar $10 para abrir uma negociação de $500.

MARGEM INICIAL

O depósito inicial de garantia necessário para entrar numa posição como uma garantia sobre o desempenho futuro.

MERCADO BEAR

Um mercado bear é quando um mercado experiencia quedas de preços prolongadas. Um mercado bear pode durar semanas ou meses. 

MERCADO BULL

Um mercado bull é quando os preços estão numa tendência ascendente. Um mercado bull pode durar semanas ou meses. 

MERCADO SOFT

Um cenário em que existem mais vendedores do que compradores. Isto normalmente resulta em quedas rápidas dos preços. O termo "mercado soft" aplica-se mais frequentemente à indústria de seguros.

MERCADO THIN

Um período caraterizado por um baixo número de compradores e vendedores.

MOEDA BASE

A moeda base é a primeira moeda que aparece numa cotação de par de moedas. No par USD/JPY, por exemplo, o USD é a moeda base. A moeda base aparece sempre em primeiro no par.

MOEDA CONVERSÍVEL

Uma moeda que pode ser livremente convertida noutra moeda e para qualquer fim, sem necessidade de autorização do banco central relevante.

MOEDA FORTE

Uma caraterística é que é pouco provável que o se valor deprecie subitamente. Qualquer moeda que é facilmente negociada e convertida para outras moedas.

MOEDA DE COTAÇÃO

A segunda moeda que é cotada num par. No par EUR/USD, a moeda de cotação é o USD. A moeda de cotação também é conhecida como moeda secundária ou moeda cotada.

N
NASDAQ

Um marketplace online global onde todos os gigantes da tecnologia estão listados.

NUMERÁRIO (CASH)

É um tipo de transação de troca que é liquidada no mesmo dia em que é feita. É um termo que normalmente só é usado nos mercados americanos.

O
OFERTA

A proposta feita por um comprador ou vendedor para comprar ou vender um ativo. É também o melhor preço pelo qual é possível comprar.

ORDEM DE MERCADO

Uma ordem de mercado é uma ordem para comprar ou vender uma ação ao melhor preço atualmente disponível no mercado.

OVER THE COUNTER (OTC)

Qualquer tipo de transação que não seja efetuada numa bolsa de valores física.

OVERNIGHT

Uma negociação que tem lugar fora do horário de negociação e é levada de um dia para o outro.

P
PADRÃO-OURO

Um sistema monetário em que a unidade de conta económica padrão se baseia numa quantidade fixa de ouro. Este sistema foi deixado após a Grande Depressão da década de 1930.

PAR DE MOEDAS

As duas moedas que constituem uma taxa de câmbio. Considera-se que o par de moedas EUR/USD seja o par de moedas com mais liquidez no mundo.

PARAR ENTRADA (STOP-ENTRY)

Esta funcionalidade serve para proteger os traders de perdas consideráveis e proteger os lucros. Esta é uma instrução para comprar ou vender quando uma ação ou moeda descer para determinado preço. Uma ordem de compra definiria um preço mais elevado do que o valor atual enquanto uma ordem de venda definiria um preço mais baixo.

PIP

Pip é a abreviatura de 'point in percentage' (ponto percentual). No forex, os pips do mercado são medidos em decimais (0,0001). Se o preço do par AUDUSD mudar de 0,64800 para 0,64810, dizemos que a variação de 0,00010 USD é 1 pip.

POSIÇÃO

Uma posição é estabelecida quando um investidor executa uma negociação que não compensa uma posição existente. A posição é o estado de uma negociação comprometida.

POSIÇÃO ABERTA

Uma negociação que foi estabelecida, uma negociação ao vivo. Pode ser uma negociação de compra ou venda, longa ou curta.

POSIÇÃO CURTA

Numa posição curta, o trader espera que o preço diminua no futuro. Uma posição curta é o contrário de uma posição longa.

PORTEFÓLIO ZERO-BETA

Os portefólios zero-beta não têm qualquer exposição ao mercado, o que torna improvável captarem o interesse dos investidores em mercados bull.

POSIÇÃO LONGA

A expectativa do trader de que o preço aumentará no futuro. Posições longas num portefólio de ações referem-se a ações que foram compradas e são detidas.

PRODUTO INTERNO BRUTO

O PIB é uma medida monetária de todos os bens e serviços que um país produz durante um período específico.

PRODUTO NACIONAL BRUTO

Semelhante ao produto nacional bruto, mas este valor inclui também todo o rendimento que provém de fora das fronteiras do país.

Q
R
RALLY

Um rally normalmente envolve movimentos de subida rápidos ou substanciais ao longo de um período relativamente curto e depois de um declínio.

RENDIMENTO

Os ganhos gerados por um investimento ao longo de um período.

RESERVA FEDERAL (FED)

Banco central dos Estados Unidos.

RESISTÊNCIA

Um ponto em que os analistas esperam que a venda tenha lugar. A resistência tem lugar quando se espera que uma tendência ascendente pare temporariamente devido a uma concentração de fornecimento.

ROLLOVER

Quando a liquidação de uma negociação é transportada para outra data de valor futura com base no diferencial de juros das duas moedas. A troca é também chamada de Tomorrow Next, Tom-Next ou T/N.

S
SEM COTAÇÃO (OFF-QUOTE)

Um ativo pode não ter cotação caso falte liquidez no mercado que gostaria de negociar. Por vezes também pode ocorrer em alturas de volatilidade excecionalmente elevada no mercado. Isso significa que há algum tempo que não houve nenhum preço novo no instrumento selecionado e que estes últimos preços já não podem ser tratados como preços de mercado.

SINAL DE COMPRA

Um sinal que será determinado pela análise técnica que um trader usa. Quando certas condições forem cumpridas, este sinal indicará que é uma boa altura para comprar. É possível observar um sinal de compra ao analisar os padrões dos gráficos ou estes podem ser calculados automaticamente por plataformas de trading.

SPIKE

Flutuações repentinas ou grandes quedas no preço.

SPREAD

A diferença entre o preço do bid e o preço do ask.

SPREAD BID/ASK

O Spread Bid-Ask é a diferença em pips entre o preço do ask (oferta/venda) e o preço do bid (aquisição/compra).

STERLING

Libra Esterlina da Grã-Bretanha, também conhecida como "cable" no forex.

SUPORTE

O suporte ocorre quando se espera que uma tendência descendente para devido a uma concentração da procura. É o oposto da resistência.

SWAP

A diferença entre as taxas de juro dos bancos centrais para cada moeda de um par, bem como a comissão da corretora, quando as posições ficam abertas durante a noite. O swap pode ser positivo ou negativo, dependendo das mudanças da taxa de juro.

SWISSY

Termo usado para o franco suíço no forex.

SWAP CAMBIAL

É a compra e venda em simultâneo de quantias idênticas de uma moeda para outra, mas com duas datas de valor diferentes. Normalmente realiza-se para assegurar empréstimos numa moeda estrangeira a taxas de juro mais favoráveis.

T
TAXA

A taxa é o preço de uma moeda quando comparada face a outra.

TAXA BANCÁRIA

A taxa de juro a que o banco central faz empréstimos aos bancos nacionais. As taxas bancárias influenciam as taxas de empréstimo de bancos comerciais.

TAXA CENTRAL

É uma taxa de câmbio para uma moeda em relação à unidade monetária europeia. Cada moeda pode mover-se num pequeno intervalo face à taxa central.

TAXA CRUZADA

É uma taxa de câmbio que é determinada através das taxas de duas moedas a serem calculadas contra uma terceira, normalmente o dólar americano.

TAXA DE CHAMADA

A taxa de juro dos pedidos de empréstimos. São empréstimos que são devidos para pagamento a pedido.

TAXA DE FUNDO FEDERAL

A taxa de fundo federal é a taxa de juros que as instituições depositárias — bancos, poupanças e empréstimos, e cooperativas de crédito—cobram umas às outras para empréstimos noturnos. Também indicas a opinião da Reserva Federal sobre o estado atual da oferta de dinheiro.

TENDÊNCIA

As tendências podem-se referir a movimentos ascendentes ou descendentes no preço. Uma tendência menor seria uma que ocorra durante um mês. Uma intermédia pode durar entre 1 e 6 mês.

TICK

Um tick é a quantidade mínima incremental à qual um ativo muda de preço. Pode ser para cima ou para baixo.

TRAILING STOP

Este é um preço de stop-loss estabelecido acima ou abaixo do preço atual que pode ser ajustado à medida que o preço se move.

TRANSAÇÃO

Troca monetária por um bem ou serviço.

TROCA SPOT

Uma troca spot (transação spot) refere-se à compra ou venda de uma divisa, instrumento financeiro ou commodity para entrega instantânea o mais rápido possível.

U
UPTICK

Uma transação para um instrumento que é realizada a um preço mais elevado do que a transação anterior.

V
VALOR LÍQUIDO

O valor total dos ativos que uma pessoa ou empresa possui, menos o passivo.

VENCIMENTO

Também conhecido como "último dia de negociação", os traders devem fechar as suas opções antes deste dia para realizarem os seus lucros ou perdas.

VOLATILIDADE

Tendência de mudanças rápidas e imprevisíveis. A volatilidade é uma medida do nível de movimentos dentro de um mercado ou ativo.

X
X-EFICIÊNCIA

O nível de eficiência mantido por empresas em condições de concorrência imperfeita, como no caso de um monopólio.

XENOMOEDA

Uma moeda depositada ou trocada num mercado fora do seu país de origem.

Y
YARD

Refere-se a um bilião.

Z
ZERO COST DOLLAR

Uma estratégia "zero cost dollar" é usada para proteção contra a volatilidade dos preços de um ativo subjacente.

Perguntas e Respostas

Como posso cancelar um levantamento?

Pode cancelar o seu pedido de levantamento enviando-nos um e-mail para [email protected], mesmo que o seu pedido de levantamento esteja na fila para ser processado.

Informação dos Ativos